“Por favor, pai, não pares”

João Filipe, 26 anos, ia de carro de Coimbra para Aveiro no domingo, pela A17, com o pai e a irmã. Conseguiu filmar uma parte do caminho até que, assim que o fogo se aproximou da estrada, um dos poucos carros que seguiam à frente entrou em contramão. Optaram por não fazer o mesmo e seguiram 4 km de janelas fechadas. “Aquele barulho, o cheiro, o calor… se fecho os olhos, ainda vejo e sinto tudo”